Fluxo de caixa - MedConsulting
 

Fluxo de caixa

Apesar de parecer algo simples, o fluxo de caixa é possivelmente a ferramenta mais importante para um Médico enquanto gestor/administrador de sua Clínica ou Consultório. Através dele, é possível desenvolver uma visão estratégica do planejamento e manutenção da Gestão financeira do seu negócio.

O segredo de um bom fluxo de caixa é estar um passo à frente: No lugar de somente observar o que está acontecendo no momento, é importante projetar. Observar suas contas a pagar e receber, antes dos seus prazos, fornece uma margem de manobra para tomar possíveis decisões emergenciais que ajudarão o caixa a permanecer no azul e não entrar no vermelho.

Esse tipo de projeção ajuda a observar a saúde financeira da sua Clínica ou Consultório a curto prazo. No começo da sua semana de trabalho, por exemplo, você pode observar o que tem a pagar e a receber, e decidir se é uma boa ideia pegar dinheiro de uma aplicação para compensar o caixa e mantê-lo equilibrado. Sempre existem alternativas, desde que você tenha o planejamento e tempo hábil para optar por elas.

Por outro lado, a médio prazo, é possível pensar em oportunidades de investimento. No caso de comprar equipamento ou melhorar a infraestrutura, por exemplo, é possível olhar para o fluxo de caixa e definir se esse investimento cabe nas suas possibilidades, com quantas parcelas é possível arcar nas atuais condições, se é preciso obter crédito, etc.

Observar o fluxo de caixa, como dissemos também pode servir para corrigir possíveis situações emergenciais. Imagina que você faz suas contas e projeta, por qualquer motivo, um vindouro déficit que irá impactar suas contas. Com essa previsão, é possível optar por oferecer aos clientes e credores alternativas antecipadas, como negociação de parcelas ou então descontos especiais aos clientes para realizar uma injeção imediata e remediar esse desequilíbrio.

Existem muitas maneiras como você pode criar o seu fluxo de caixa. Isso pode tanto ser feito em uma planilha de Excel quanto até mesmo em um sistema desenvolvido particularmente para a empresa.

Um outro detalhe que é importante é a distinção entre as contas do Médico. Principalmente aqueles que trabalham como autônomos às vezes cometem o erro de tirar dinheiro de fundos paralelos – da empresa para contas pessoais, ou vice-versa. É fácil, dessa forma, perder informações e acabar com as reservas. O ideal é que essas contas permaneçam separadas – se possível, até mesmo fisicamente, com uma conta física e uma jurídica.

Quer saber mais sobre como administrar seu fluxo de caixa? A MedConsulting tem os melhores especialistas em consultoria para Médicos, Clínicas e Consultórios. Entre em contato conosco e saiba como podemos ajuda-lo.



Abrir Conversa